Nota MS premiada – Como tratar o retorno do InvoiCy, para a impressão das dezenas no DANFE e DANFENFCE

Última atualização em: 26 de dezembro, 2019

O Estado de Mato Grosso do Sul deverá implementar o programa da Nota MS Premiada a partir de 01/01/2020, que visa fomentar a cidadania fiscal, estimulando o consumidor final a exigir do estabelecimento varejista a emissão de documento fiscal (no caso, Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica – NFC-e ou Nota Fiscal Eletrônica – NF-e) durante a aquisição de mercadorias, na expectativa de receber prêmios.

Ao solicitar o CPF no documento fiscal e este for autorizado na SEFAZ/MS, o consumidor irá receber impresso em seu DANFE ou DANFENFCE oito dezenas que darão direito ao consumidor a concorrer a prêmios.

O prazo para as dezenas serem impressas no DANFE e DANFENFCE, ainda está em discussão, porém tivemos um retorno da SEFAZ MS, informando que seria a partir do dia 01/02/2020.

Então para quem utiliza a DFW/DMF será necessário realizar a atualização nos PDVs até o dia 31/01/2020. A equipe Daruma já está trabalhando nesta atualização da DFW/DMF.

Para nossos parceiros que tratam da impressão do DANFE ou DNFENFCE, será necessário preparar suas aplicações para receber a mensagem de retorno do InvoiCy.

Nosso ambiente de homologação do InvoiCy já está preparado e foi criado um novo grupo no retorno chamado: MensagemSefaz. 

Nesse grupo irá constar o código e a descrição da mensagem retornada pelo governo. Para mais informações acesse o layout de envio e veja o novo grupo criado na aba ‘Retorno’. Lembrando que o nosso layout XSD de retorno também foi adequado para contemplar a criação desse novo grupo.

Mensagem de retorno

Abaixo um exemplo de quando retornar as dezenas:

NotaPremiada_MS

Para o parceiro que for tratar a impressão das dezenas, seguem abaixo as orientações:

Conforme publicado na RESOLUÇÃO/SEFAZ N° 3.062, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2019, Art. 2º Capítulo IV, alínea f:

f) a impressão de que trata as alíneas “d” e “e” deste inciso deve conter o nome do programa “NOTA MS PREMIADA”, as 8 (oito) dezenas geradas para a respectiva nota fiscal e o endereço eletrônico do Programa Nota MS Premiada, em linhas separadas e em negrito, conforme leiaute especificado abaixo:

NOTA MS PREMIADA
DEZENAS: ( 99 99 99 99 99 99 99 99 )
http://www.notamspremiada.ms.gov.br

O retorno do InvoiCy manterá os Pipes entre os textos para permitir a quebra de linha e atender ao layout de impressão.

Referente ao local de impressão no DANFE e DANFENFCE:

a) Local para constar a mensagem com as dezenas no DANFE da NF-e, deverá ser impressa na área “Reservado ao Fisco”.

b) Local para constar a mensagem com as dezenas no DANFE da NFC-e, que deverá ser impressa na “Divisão VIII – Área de Mensagem Fiscal”, logo abaixo da identificação da NFC-e (Divisão VII).

Observações Importantes:

Para quem utiliza a impressão gerada pelo InvoiCy não terá nenhum impacto. Apenas para quem gera a própria impressão.

As dezenas só serão retornadas para impressão no caso da NF-e, quando esta for autorizada com tpemis = 1 (emissão normal). As NF-e emitidas em contingência com tpemis = 4 (EPEC) e tpemis = 5 (FS-DA), a geração de dezenas só ocorrerá após a autorização da NF-e pela SEFAZ-MS, ou seja, não aparecerá no DANFE da NF-e, somente na consulta pública desse documento assim que ele for autorizado. 

OBS: Para as NF-e autorizadas com a tag tpemis=7 (SVC-RS – SEFAZ Virtual de Contingência do Rio Grande do Sul) não serão geradas dezenas, em função de o ambiente autorizador ser diverso da SEFAZ-MS.

Para NFC-e, as dezenas só serão retornadas para impressão no caso da NFC-e, quando esta for autorizada com tpemis=1 (emissão normal). As NFC-e emitidas em contingência com tpemis=9 (emissão em contingência off-line), a geração de dezenas só ocorrerá após a autorização da NFC-e pela SEFAZ-MS, ou seja, não aparecerá no DANFE da NFC-e, somente na consulta pública desse documento assim que ele for autorizado.

Padrão ISS.MAP

O Padrão ISSMAP utiliza um modelo próprio de layout de XML. Abaixo estão detalhadas as particularidades deste padrão:

Importante:

Ao cadastrar uma nova empresa deve ser preenchido o campo ‘Chave Primária de Autenticação’ com o valor da chave de acesso disponibilizada no portal de NFSe da prefeitura no menu Configuração -> Integração fornecida dentro do sistema da prefeitura. Além disso preencher o campo ‘Cliente Id’ com o código da chave de acesso fornecido no mesmo local.

1. O sistema não permite:

  • Inutilização da Nota;
  • Substituição de RPS;
  • Repetir o número do RPS.
  • Cancelamento de NFSe

2. Número e Série do RPS

O Padrão ISS.MAP não permite que haja repetição do número de RPS, pois o mesmo não diferencia Séries de RPS, portanto cada número de RPS é único, independente qual for a Série utilizada.

3. Exemplo XML

Clique aqui para visualizar um exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e.

Padrão iiBrasil

O Padrão iiBrasil segue o modelo Abrasf. Abaixo estão detalhadas as particularidades deste padrão:

Importante:

Ao cadastrar uma nova empresa deve ser preenchido o campo ‘Chave Primária de Autenticação’ com o valor do token fornecido dentro do sistema da prefeitura. Para extrair esta informação, acesse o menu ‘Nfse’ e posteriormente clique em ‘ Gerenciar RPS’ na opção ‘Tokens’.

1. O sistema não permite:

  • Inutilização da Nota;
  • Cancelamento de NFSe;
  • Substituição de RPS;
  • Repetir o número do RPS.

2. Número e Série do RPS

O Padrão iiBrasil é sequencial e não permite que haja repetição do número de RPS, pois o mesmo não diferencia a Série do RPS, sendo necessário preenchê-la com o valor ‘RPSL’.

3. Exemplo de XML

Veja um exemplo de XML clicando aqui.

Padrão AWATAR WS

Última atualização em: 03 de janeiro, 2019

O Padrão Awatar WS segue o modelo próprio. Segue abaixo suas particularidades:

1. O sistema não permite:

  • Substituição de Notas Fiscais de Serviço Eletrônica;
  • Impressão do RPS no modelo da prefeitura;
  • Inutilização de Notas;
  • Intermediário do serviço.

2. Solicitação na prefeitura

  • Para realizar a emissão via web service o cliente deve solicitar na prefeitura do seu município o usuário e senha. No wizard de cadastro do InvoiCy BR deverá ser informado o usuário e senha nos campos de usuário e senha de autenticação.

3. Código CNAE

  • O código CNAE segue a regras legislativas do município, sendo informado apenas quando o município possuir em sua legislação a permissão para tal, em certos municípios não possui a exigência para informar, portanto mantendo em branco.

4. Impressão

  • Possui disponibilidade de impressão pelo modelo da prefeitura do município onde a empresa está situada.

5. Formas de pagamento

As formas de pagamento devem ser seguidas conforme a tabela relacional do município:

6. Natureza da Operação

O campo de natureza da operação deverá seguir o padrão próprio do município:

7. Exemplo XML

Clique aqui para visualizar um exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e.

Padrão SafeWeb

Última atualização em: 29 de outubro, 2018

O Padrão SafeWeb segue o modelo padronizado ABRASF 1.0. Segue abaixo suas particularidades:

1. O sistema não permite:

  • Substituição de NFS-e;
  • Inutilização de NFS-e.

2. Obrigatoriedades

  • Informar valor no item da lista de serviço.

3. Tomador do exterior

  • O campo de Exigibilidade ISS deve ser informado 4, conforme layout (Exportação);
  • Informar o código do país dentro do grupo de serviço.

4. Código CNAE

  • O código CNAE segue a regras legislativas do município, devendo sendo informado, quando houver Alíquota e item da Lista de Serviço.

5. Impressão

  • Não possui disponibilidade de impressão pelo modelo da prefeitura do município onde a empresa está situada.

6. Natureza da Operação:

O campo de natureza da operação deverá seguir o padrão ABRASF:

Natureza da operação

7. Regime Especial de Tributação

Conforme o padrão ABRASF seguem os seguintes valores para o campo de Regime Especial de Tributação:

Regime Especial de Tributação

8. Exemplo XML

Clique aqui para visualizar um exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e.

Padrão Città

Última atualização em: 02 de outubro, 2018

PARTICULARIDADES PADRÃO CITTÀ

O Padrão Città utiliza o modelo de layout XML da ABRASF 2.0. Abaixo estão detalhadas as particularidades deste padrão:

  • O sistema não permite:
  • Inutilização da Nota;
  • Tomador

Não permite que enviei o RPS sem possuir tomador na nota.

  • Tomador estrangeiro

Para efetuar a correta emissão de notas fiscais para o estrangeiro deve-se deixar de informar os seguintes campos:

  • Código do município;
  • CNPJ.

Devendo ser informado apenas a razão social, número do documento do tomador estrangeiro e o código do país do tomador.

  • Outras Informações

O layout XML da prefeitura não possui o campo Outras informações portanto caso o contribuinte desejar informá-lo deve inserir no cadastro de empresa, a confirmação de concatenar Outras Informações na discriminação, como ilustra a imagem.

  • Cancelamento

O cancelamento de NFS-es obedece ao prazo estipulado pelo município. Geralmente deve ocorrer entre 5/15 dias úteis.

  • Impressão

O sistema possui impressão de NFS-e para a prefeitura, devendo possuir o usuário e senha disponibilizados pela prefeitura do seu município para realizar a impressão.

  • Natureza da Operação

Tabela com as opções de Natureza da Operação aceitas pelo sistema Città:

Para visualizar um XML de exemplo clique aqui.

Padrão INFISC Bom Princípio

Última atualização em: 03 de setembro, 2018

O Padrão INFISC Bom Princípio não segue o padrão ABRASF. Segue abaixo as particularidades deste novo padrão:

1. Número e Série do RPS

O número da série é único obrigatoriamente. Para permitir a emissão de NFS-e, deve ser solicitada junto a prefeitura a liberação da série para emissão. A série disponibilizada é a de valor ‘S’.

2. O sistema não permite:

  • Informar o Intermediário do serviço;
  • Substituição de RPS;
  • Efetivar uma nota sem Tomador.

3. Cancelamento

O cancelamento pode ser efetuado a qualquer momento pelo contribuinte desde que não tenha efetuado a geração de sua guia mensal.

4. Tipo de placa do veículo

Placa de veículo com os possíveis seguintes formatos: XXX9999, XXX999, XX9999 ou XXXX999. Informar a placa em campo de Informações Adicionais quando tiver lei de formação diversa destes formatos e para placa da transportadora.

5. Tomador do Exterior

  • O CPF/CNPJ deve ser informado vazio;
  • A UF deve ser informada vazia;
  • Código do Município deve ser informado vazio;
  • Não é permitido substituição tributária para tomadores de serviço do exterior.

6. ISS Retido

O município não permite retenção de ISS para pessoa Física.

7. Impressão

Possui a opção de impressão com o modelo da prefeitura.

8. Exemplo XML

Clique aqui para visualizar um exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e.

LAYOUT XML 4.00

Última atualização em: 11 de maio, 2018

 

Olá! Este artigo tem por objetivo disponibilizar o layout 4.00 do XML da NF-e e da NFC-e. Aqui você irá encontrar a estrutura completa de campos para realizar a integração de seu ERP com o InvoiCy.

A tabela abaixo deve ser utilizada como legenda para interpretação dos campos do arquivo do envio e retorno do XML.

Coluna

Nome do Campo

Tipo

(tamanho)

N – campo numérico C – campo alfanumérico D – campo data H – campo hora

Ele

G – Grupo E – Elemento CG – Elemento de Grupo que deriva de uma escolha (choice) CE – Elemento que deriva de uma escolha (choice)

Pai

TAG raiz do XML de integração entre ERP e GNF-e

Ocorrência

x-y, onde x indica a ocorrência mínima e y, a ocorrência máxima:

1-1 = campo obrigatório, com uma possibilidade,

1-N = campo obrigatório, com uma ou várias possibilidades,

0-1 = campo opcional, com uma possibilidade,

0-N = campo opcional, com uma ou várias possibilidades.

Este layout encontra-se adequado com a Nota Técnica NT2016.002, disponibilizado pela SEFAZ (Secretaria da Fazenda). A íntegra desta NT pode ser consultada clicando aqui.

O layout 4.00 do XML está disponível para download em arquivo XLS. Para visualizá-lo, certifique-se de que você possui o Microsoft Excel instalado em seu computador.

DOWNLOAD:

LAYOUT XML 4.00 (NF-e e NFC-e)

Acesse também a Central de Downloads Migrate, onde você poderá encontrar diversos exemplos reais de NF-e e NFC-e para download.

 

Release Notes – Versão 1.32.0.0

Versão 1.32.0.0 – 14/02/2018 – Em produção

Envio de prévia da NF-e

A partir dessa versão o InvoiCy irá permitir o envio de uma prévia de NF-e através da integração via Web Service. Essa prévia consiste em um resumo da nota, que poderá conter apenas algumas informações principais, como pode ser observado na imagem abaixo a estrutura de envio da prévia com os campos obrigatórios.

Envio da prévia NF-e

A partir do recebimento dessa prévia será criado um registro da NF-e na tela de “Documentos em digitação”. Posteriormente essa nota poderá ser complementada manualmente pelo usuário e emitida através da tela de digitação do InvoiCy. Para mais informações leia o artigo Envio de prévia da NF-e.

Configuração para imprimir duplicatas no DANFE

Na tela de configurações de impressão da NF-e foi adicionada uma nova opção de configuração, ‘Imprimir duplicatas’, como demonstra a imagem a seguir.

Essa configuração possibilita ao usuário escolher se deseja imprimir as informações de Duplicatas no DANFE. Ao configurar a opção como ‘Sim’, o bloco Duplicatas será impresso no DANFE, como pode ser observado na imagem abaixo. Se optar por não imprimir as Duplicatas basta configurar a opção como ‘Não’.

Inutilização de NFS-e

A partir dessa versão clientes emissores de NFS-e poderão inutilizar no InvoiCy os documentos rejeitados. Destacando que apenas Caxias do Sul-RS disponibiliza serviço de inutilização, para os demais municípios a NFS-e será inutilizada apenas no InvoiCy. E para padrões que fazem uso da sequência de numeração do RPS não será permitida a inutilização. Para mais informações leia o artigo Serviço de inutilização de NFS-e.

Detalhamento da versão

Para conhecer todas as modificações realizadas nessa versão, clique aqui.

 

Versão 1.32.0.0 – mais detalhes

Última atualização em: 14 de fevereiro, 2018

Confira todas as alterações e melhorias realizadas na versão 1.32.0.0 do InvoiCy, que já está em produção:

Código da solicitação – Descrição

8078 – Processo de importação de arquivos para emissão: foram efetuadas algumas melhorias e correções no processo de importação de arquivos para emissão.

8198 – Cancelamento de licenças: o processo de cancelamento de licenças via tela não estava funcionando de acordo para algumas empresas que possuíam caracteres especiais em seus dados. Foi realizado um tratamento sobre esses caracteres para assim não impactar no cancelamento das licenças.

8283 – Logs do documento: na tela de detalhes do documento, aba Logs, será exibida uma quantidade de 100 logs, e caso houver novas tentativas de interação com esse documento sempre o último log será atualizado, mantendo ainda os logs antigos, mas sem ultrapassar o limite de 100 registros.

NF-e:

8257 – Prévia de NF-e: o InvoiCy irá permitir o envio de uma prévia de NF-e através da integração via WS, criando um registro da NF-e na tela de “Documentos em digitação”. Posteriormente o usuário poderá emitir manualmente essa NF-e através da tela de digitação do InvoiCy. Para mais informações leia o artigo Envio de prévia da NF-e.

8206 – Configuração para imprimir duplicatas no DANFE: através da opção ‘Imprimir duplicatas’ na tela de configurações de impressão da NF-e, o usuário poderá escolher se deseja imprimir as informações de Duplicatas no DANFE.

8234 – Envio de eventos via tela de detalhes: ao enviar uma carta de correção ou efetuar o cancelamento de uma NF-e via tela de detalhes do documento, informando algum caractere especial ou espaços após o último caractere do texto o evento não era efetivado com sucesso. Foi realizado um tratamento para remover esses caracteres e assim efetuar a emissão dos eventos.

8222 – Carta de Correção para NF-e: ao enviar uma carta de correção para uma NF-e, será validado se a chave de acesso informada condiz com o número da NF-e, caso não estiver de acordo retornará a seguinte mensagem: “O número do documento difere do número do documento na chave de acesso”.

CT-e:

8184 – Melhorias no DACTE: foram efetuadas algumas melhorias no DACTE, para não cortar as informações de natureza da operação e nome do emitente quando as descrições forem muito extensas. Também se otimizou o espaço diminuindo o tamanho do bloco de ‘Documentos originários’.

8177 – Envio de CC-e: nas versões anteriores não era possível enviar uma carta de correção no layout 3.0 para um CT-e que já estava autorizado no layout antigo 2.0. Efetuou-se um tratamento e a partir dessa versão será possível emitir o evento com o novo layout 3.0 para CT-e autorizado no layout antigo.

8212 – Retorno do envio de CC-e: a partir dessa versão, ao enviar uma carta de correção via integração Web Service, será retornado também o base64 do PDF da carta de correção.

MDF-e:

7962 – Detalhes dos eventos: ao acessar a aba ‘Eventos’ na tela de detalhes de um MDF-e, e clicar nas informações da grid, será aberta uma nova tela exibindo os detalhes do respectivo evento.

NFS-e:

8175 – Link de impressão da prefeitura para o padrão Nota Carioca: a partir dessa versão empresas emissoras de NFS-e para o padrão Nota Carioca também poderão configurar na tela de configurações para emissão se desejam receber no retorno o link de impressão da prefeitura, através da configuração ‘Retornar link de impressão da prefeitura, quando disponível’.

8117 – Inutilização de NFS-e: a partir dessa versão os clientes emissores de NFS-e poderão inutilizar os documentos rejeitados no InvoiCy. Para mais informações leia o artigo Serviço de inutilização de NFS-e.

8325 – Não imprimir itens no espelho do RPS: empresas que emitem NFS-e poderão configurar se desejam imprimir os itens no espelho do RPS, através da nova opção na tela de configurações de emissão de NFS-e “Imprimir os itens no espelho”, como demonstra a imagem abaixo.

Ao configurar essa opção como ‘Sim’ o espelho do RPS sairá com os itens impressos, como pode ser visto na imagem abaixo.

Já ao configurar a opção como ‘Não’ o espelho do RPS não irá imprimir os itens, de acordo com a imagem a seguir.