Permitir resolver notas em conflito via Web Service

Última atualização em: 19 de julho, 2019

Durante o processo de emissão de NFS-e pode ocorrer que um determinado documento fique com status ‘em conflito’. Esse retorno geralmente ocorre quando há falha na comunicação com a prefeitura e esta não possui o serviço de consulta ou exige o número de protocolo para realizar a consulta, porém como ocorreu problema na comunicação, o número do protocolo não está disponível.

Para realizar a correção de documentos com status ‘em conflito’, ao receber esse retorno do web service, o ERP poderá solicitar que o prestador verifique junto ao sistema da prefeitura se o documento está registrado lá, caso esteja, ele deverá pegar os dados referente ao número da NFS-e, código de verificação e protocolo. Estas informações deverão ser enviadas ao InvoiCy por meio do web service de recepção de documentos.

O envio das informações para o InvoiCy deverá seguir o modelo conforme a imagem a seguir.

Clique aqui para fazer download do XML exibido na imagem.

Caso a nota constar no sistema da prefeitura, o ERP deverá enviar ao InvoiCy o número da NFS-e, o código de verificação e o protocolo. Nesse caso, a tag NotaExiste deverá ser enviada como “S”,  a partir disso o InvoiCy irá atualizar os dados do documento e será disparada uma consulta ou uma tentativa de reenvio, se a comunicação com o web service da prefeitura ocorrer normalmente, o status da NFS-e será atualizado no InvoiCy.

Se a nota não existir no sistema da prefeitura, o ERP deverá enviar ao InvoiCy o mesmo evento de correção apresentado anteriormente, porém enviando o campo NotaExiste como “N”,  nesse caso não devem ser enviadas as tags Protocolo, NFSeCodVerificacao e NFSeNumero.

Após enviar essas informações, o InvoiCy irá retornar ao ERP o status do documento, utilizando o mesmo layout de retorno de consulta de documentos.

Evento de inclusão de DF-e

Última atualização em: 02 de julho, 2019

A partir da liberação da nova versão 3.00a do Manual de Orientação do Contribuinte, o emitente do MDF-e de carga própria poderá realizar a emissão mesmo sem possuir em mãos os documentos fiscais transportados, quando se tratar de uma operação interna, ou seja, da mesma UF do emissor.

Para isso será necessário informar no XML de envio do MDF-e o novo campo indCarregaPosterior, denominado de indicador de MDF-e com inclusão da carga posterior, preenchido com o valor 1.

Para todos os MDF-es emitidos com o campo indCarregaPosterior = 1, deve-se emitir posteriormente o novo evento 110115 – Inclusão de DF-e, que tem como finalidade permitir a inclusão de documentos fiscais no MDF-e que foi emitido com a indicação de carregamento posterior.

A imagem abaixo representa a estrutura de envio de eventos, destacando o novo grupo do evento de inclusão. Clique aqui para baixar o XML de exemplo, e clique aqui para baixar o layout em Excel.

Pode-se informar vários documentos em um mesmo evento. Também pode-se enviar mais de um evento para o mesmo MDF-e, mas para isso é necessário sempre incrementar o sequencial da tag EvenSeq, caso contrário o evento não será autorizado.

É importante destacar que um MDF-e que possui indicador de carregamento posterior não poderá ser encerrado antes que seja enviado o respectivo evento de inclusão de DF-e.

Release Notes – Versão 2.17.0

Versão 2.17.0 – 09/07/2019 – em produção

Impressão do Imposto de Importação no DANFE

A versão 2.17.0 conta com um novo parâmetro nas configurações de impressão da NF-e, que torna opcional a impressão do imposto de importação para o modelo de DANFE personalizado, na orientação retrato. A imagem abaixo demonstra esse novo parâmetro.

O parâmetro ‘Imprimir valor do imposto de importação’ conta com as opções ‘Sim’ e ‘Não’. Ao configurar com a opção ‘Sim’, será impresso no DANFE o valor correspondente ao imposto de importação.

Quando for configurado com a opção ‘Não’, o campo ainda será impresso no DANFE, porém sem valor.

Adequações no layout do módulo MDF-e

A partir da nova versão 3.00a do Manual de Orientação do Contribuinte, o emitente do MDF-e de carga própria poderá realizar a emissão mesmo sem possuir em mãos os documentos fiscais transportados, quando se tratar de uma operação interna, ou seja, da mesma UF do emissor.

Para isso basta informar no XML de envio o novo campo indCarregaPosterior, denominado de indicador de MDF-e com inclusão da Carga posterior. Os documentos fiscais poderão ser incluídos depois que ocorrer a emissão do MDF-e, através do novo evento de inclusão de DF-e.

A imagem abaixo representa a estrutura de envio de eventos, destacando o novo grupo do evento de inclusão. Clique aqui para baixar o XML de exemplo, e clique aqui para baixar o layout em Excel. Para mais informações leia o artigo Evento de inclusão de DF-e.

Comparar rejeições da NFS-e com a última nota autorizada

Essa nova versão também conta com uma melhoria no retorno do RPS. Com o objetivo de automatizar o processo de verificação na rejeição de uma nota, o InvoiCy irá comparar a NFS-e rejeitada com a última nota autorizada, verificando assim, possíveis campos que estão com preenchimento diferente das notas anteriores, salvando no retorno da nota essa diferença. A descrição do retorno será visível ao abrir o RPS rejeitado, na aba de Retornos.

Vale ressaltar que o campo indicado pode não significar necessariamente o erro nessa tag, mas por estar diferente é importante ser revisada.

Melhoria na tela de municípios integrados

Essa nova versão do InvoiCy traz melhorias na consulta dos municípios integrados para emissão de NFS-e. A partir de agora foram incluídas novas informações e opções de filtros para usuários que realizam a consulta via interface do sistema. Incluímos ainda a possibilidade de exportar uma lista contendo todos os municípios atendidos e oferecemos também a visualização dos mesmos em um mapa.

Também foram adicionados links para acesso ao site da prefeitura, para web service de emissão de documentos e para o Portal dos Desenvolvedores da Migrate onde é possível obter maiores informações sobre os padrões para emissão de NFS-e, conforme mostra a imagem a seguir.

Detalhamento da versão

Para conhecer todas as modificações realizadas nesta versão, clique aqui.

Versão 2.17.0 – mais detalhes

Última atualização em: 09 de julho, 2019

Confira todas as alterações e melhorias realizadas na versão 2.17.0 do InvoiCy, que já está em produção:

Código da solicitação – Descrição:

10242 – Novos campos na correção de NF-e e NFC-e

Foram adicionados novos campos na correção de NFC-e que foram emitidas em contingência Offline e tiveram retorno de rejeição no momento do envio para a SEFAZ.

Para a rejeição 906: Não informados os campos para informações do ICMS Efetivo. [nItem: nnn], foram adicionados à tela de correção de NFC-e os campos relativos a Percentual de redução da base de cálculo efetiva, Valor da base de cálculo efetiva, Alíquota do ICMS efetiva e Valor do ICMS efetivo.

Para as rejeições 972: Obrigatória as informações do responsável técnico e 973 Rejeicão: CNPJ do responsável técnico inválido, foram incluídos na tela de correção os campos CNPJ, Contato, e-mail e fone, que devem ser utilizados para informar os dados do responsável técnico pelo sistema de emissão de documentos.