Dashboard de Gestão Fiscal – NFS-e

Última atualização em: 25 de junho, 2020

Neste artigo explicaremos brevemente sobre a funcionalidade de cada gráfico da extensão Dashboard de Gestão Fiscal – NFS-e. Cada gráfico exibe o período em que os dados estão sendo considerados, ou se os mesmos são online.

Documentos não compliance:

Todos os documentos e eventos emitidos para a NFS-e, que estejam com status diferente de autorizado, inutilizado, cancelado e denegado serão relacionados neste gráfico.

Comunicação com prefeituras:

Informa o status da comunicação dos Web Services de recepção, quando o parceiro realiza emissão nas prefeituras que ele possui acesso. Assim, o gráfico apresenta comunicação normal ou falha dependendo do retorno de cada prefeitura. É possível verificar no gráfico o total de prefeituras que o parceiro possui acesso.

Situação das empresas:

Os emissores que não tiverem nenhum documento autorizado no InvoiCy no mês, poderão ser relacionados como empresa com problema, isso permite ter uma visão genérica das empresas que estão com problemas. Em conformidade, são empresas que tiveram ao menos um documento autorizado no mês. Desabilitada de monitoramento, são empresas que o usuário desabilita deste monitoramento, podendo reabilita-la a qualquer momento.

Processos Pendentes:

Esse gráfico é destinado a visualizar a fila de documentos com emissão e consulta, realizados no processo assíncrono, listando um totalizador de documentos pendentes de envio, de consulta e pendentes de cancelamento para todos os CNPJs da base do parceiro. Ao clicar sobre as visões “Pendentes de Envio”, “Pendentes de Consulta” ou “Pendentes de Cancelamento” o dashboard deve listar todos os CNPJs que possuem algum documento em fila assíncrona com aquela pendência. Já a visão de “Empresas Travadas”, irá listar um totalizador de CNPJs com a fila parada, o que é muito comum ocorrer por algum problema na fila, ou até mesmo, em filas sequenciais, onde uma nota fiscal rejeita, e só continua após sua correção.

Tipo de processamento:

Esse gráfico irá apresentar qual a quantidade de empresas configuradas no processo síncrono, e qual a quantidade de empresas configuradas no processo assíncrono. A visão deve permitir o detalhamento de cada tipo de processamento, visualizando toda a lista de CNPJs por tipo.

Municípios Integrados:

Através desse gráfico, será possível acompanhar o número de municípios integrados em cada tipo: emissão, importação de notas recebidas e importação de notas emitidas. Saiba mais sobre importação de notas emitidas e recebidas lendo os artigos Importação de NFS-e emitidas e NFS-e de entrada.

Vencimento de certificados:

Relaciona os certificados dos emissores do parceiro próximos do vencimento, separados conforme as faixas de dias. Ao clicar no gráfico será direcionado para a tela com os certificados, exibindo quantos CNPJs estão atrelados a este certificado. Ao editar o certificado terá acesso para atualizar ou adicionar o mesmo para as empresas emissoras.

Falha no envio de e-mail:

Agrupamento de todos os e-mails que tiveram falha no envio, devido a erro de endereço eletrônico ou no servidor de e-mail. Ao clicar no gráfico, será direcionado para a tela com os CNPJs e as quantidades de e-mail que não foram enviados.

Dashboard de Gestão Fiscal – NFC-e

Última atualização em: 25 de junho, 2020

Neste artigo explicaremos brevemente sobre a funcionalidade de cada gráfico da extensão Dashboard de Gestão Fiscal – NFC-e. Cada gráfico exibe o período em que os dados estão sendo considerados, ou se os mesmos são online.

Documentos não compliance:

Todos os documentos e eventos emitidos para a NFC-e, que estejam com status diferente de autorizado, inutilizado, cancelado e denegado serão relacionados neste gráfico.

Situação FTP:

Para emissores que utilizam a exportação via FTP, será possível monitorar todos os FTPs configurados. Caso tenha algum problema será relatado qual CNPJ foi afetado por falha de comunicação com o FTP, ou falha na gravação de arquivos nas pastas.

Consumo Indevido

Este gráfico, irá exibir a quantidade de empresas do parceiro que estão com algum dos seguintes bloqueios: bloqueio InvoiCy, bloqueio SEFAZ, Rejeição Repetitivas, que ocorrem por consumo indevido do Web Service do InvoiCy ou SEFAZ.

Comunicação com a SEFAZ:

Informa o status da comunicação com o Web Service de autorização da SEFAZ, nas UF que o Parceiro possui emissores de NFC-e. A UF na cor cinza pode indicar que o parceiro não tem CNPJ emissor cadastrado, ou que nenhum dos CNPJ cadastrados emitiu NFC-e no período. Ao clicar na UF, será direcionado para uma tela que mostrará a latência da comunicação, em determinado período.

Empresas sem documento autorizado:

Os emissores que não tiverem nenhum documento autorizado no InvoiCy no dia anterior, e que na semana passada tiverem emissão nesse mesmo dia da semana, poderão ser relacionados como sem emissão. Isso permite ter uma visão genérica das empresas com possíveis problemas como certificado vencido, emissor sem conexão com o InvoiCy, bloqueio do emissor na SEFAZ, etc.

Ao clicar na empresa, será possível desabilitá-la do monitoramento geral do dashboard. Para incluir a empresa no monitoramento novamente, basta clicar no número “Desabilitadas do monitoramento” e ativar a empresa.

Contingência offline:

Apresenta o percentual geral de emissão de NFC-e em contingência Offline, permitindo identificar os CNPJs com maiores índices e quais os motivos da emissão em contingência.

Agendamentos pendentes:

Informação dos agendamentos solicitados pelos usuários das empresas emissoras e que estejam pendentes, ou que já foram processados e tiveram alguma falha.

Rejeições (Top 10):

Serão contabilizadas as rejeições finais que tiverem maior incidência, e assim permitir ao parceiro identificar possíveis erros em regras de negócio, configurações da aplicação, cadastros de empresas, cadastros de produtos, etc.

Falhas no envio de e-mail:

Agrupamento de todos os e-mails que tiveram falha no envio, devido a erro de endereço eletrônico ou no servidor de e-mail. Ao clicar no gráfico, será direcionado para a tela com os CNPJs e as quantidades de e-mail que não foram enviados.

Vencimento de certificados:

Relaciona os certificados dos emissores do parceiro próximos do vencimento, separados conforme as faixas de dias. Ao clicar no gráfico será direcionado para a tela com os certificados, exibindo quantos CNPJs estão atrelados a este certificado. Ao editar o certificado terá acesso para atualizar ou adicionar o mesmo para as empresas emissoras.

Integração via API Rest para emissão de documentos

Última atualização em: 10 de junho, 2020

O InvoiCy permite que os clientes façam a integração via API Rest para efetuar o envio de documentos, por enquanto para os módulos NF-e/NFC-e e NFS-e. Além da emissão para esses módulos, também é possível efetuar o envio de eventos, inutilização, descarte e consultas de documentos, e ainda realizar o cadastro de novas empresas.

Para realizar a integração com as APIs o primeiro passo é se autenticar para que o InvoiCy possa garantir a segurança da origem da comunicação. Para isso, será necessário gerar um token de autenticação no padrão JWT (RFC – 7519), e enviar para a rota {{host}}/oauth2/invoicy/auth. Abaixo é detalhado como deverá ser gerado esse token:

  • O host varia por ambiente sendo homologação https://apibrhomolog.invoicy.com.br e produção https://apibr.invoicy.com.br.
  • O parâmetro “iat” é um numérico com a data de criação do token, deve ser informado a data/hora atual no fuso zero, desde a Era Unix. 
  • O parâmetro “exp” é um numérico com a data de expiração do token, nele deve ser informado a data/hora atual no fuso zero, desde Era Unix, mais 120 segundos, resultando o tempo de expiração no formato timestamp. O tempo de expiração do token deverá ser no máximo de 120 segundos. 
  • O parâmetro “sub” é uma string com o CNPJ da empresa ou a chave de parceiro. Quando for gerado um token para cadastro/atualização de empresa deverá conter a chave de parceiro nesse caso, no restante das situações será utilizado o CNPJ da empresa.
  • O parâmetro “partnerKey” é uma string com a chave de parceiro fornecida pelo InvoiCy. Quando for gerado um token para cadastro de empresa, não enviar essa informação.
  • A chave de acesso é a chave privada fornecida pelo InvoiCy para cada empresa cadastrada. Quando for gerado um token para cadastro de empresa deverá conter a chave de acesso do parceiro nesse caso. 
  • Obs: para consulta de empresa utilizar o token com o CNPJ e não chave de parceiro.

Tendo criado o token JWT, deverá ser enviado para a API de autenticação para obter o refreshToken e accessToken. Avaliar o exemplo “Gerar Token” que está na documentação do Postman descrita abaixo.

refreshToken será utilizado para criar um novo accessToken válido quando o mesmo expirar. Quando expirar o refreshToken será necessário realizar o mesmo processo descrito acima para obter um novo token válido. Avaliar o exemplo “Refresh Token” que está na documentação do Postman descrita abaixo.

accessToken deverá ser enviado no header “Authorization” em todas as requisições de documentos ou empresa. 

Para facilitar seu entendimento criamos uma documentação com todas as integração no Postman, clique aqui para acessá-la.

Ao clicar na opção LANGUAGE, você pode selecionar a linguagem desejada para gerar exemplos de integração, onde será montado o código com a requisição de acordo com a linguagem selecionada.

IMPORTANTE: os arquivos enviados na integração Rest seguem os layouts de emissão específicos de cada módulo do InvoiCy, a estrutura desses campos não sofreu nenhuma alteração. Para facilitar seu entendimento, disponibilizamos abaixo o layout de envio de cada módulo:

Para o cadastro de empresas também deve-se seguir o layout de integração:

Release Notes – Versão 2.27.0

Versão 2.27.0 – 09/06/2020 – em produção

Integração via API Rest para emissão de documentos

A partir dessa versão o InvoiCy permite que os clientes façam a integração via API Rest para efetuar o envio de documentos dos módulos NF-e/NFC-e e NFS-e. Além da emissão para esses módulos, também é possível efetuar o envio de eventos, inutilização, descarte e consultas de documentos, e ainda realizar o cadastro de novas empresas.

Para realizar a integração com as APIs o primeiro passo é se autenticar para que o InvoiCy possa garantir a segurança da origem da comunicação. Para isso, será necessário gerar um token de autenticação no padrão JWT (RFC – 7519), e enviar para a rota {{host}}/oauth2/invoicy/auth. Abaixo é detalhado como deverá ser gerado esse token:

  • O host varia por ambiente sendo homologação https://apibrhomolog.invoicy.com.br e produção https://apibr.invoicy.com.br
  • O parâmetro “iat” é um numérico com a data de criação do token, deve ser informado a data/hora atual no fuso zero, desde a Era Unix. 
  • O parâmetro “exp” é um numérico com a data de expiração do token, nele deve ser informado a data/hora atual no fuso zero, desde Era Unix, mais 120 segundos, resultando o tempo de expiração no formato timestamp. O tempo de expiração do token deverá ser no máximo de 120 segundos. 
  • O parâmetro “sub” é uma string com o CNPJ da empresa ou a chave de parceiro. Quando for gerado um token para cadastro/atualização de empresa deverá conter a chave de parceiro nesse caso, no restante das situações será utilizado o CNPJ da empresa.
  • O parâmetro “partnerKey” é uma string com a chave de parceiro fornecida pelo InvoiCy. Quando for gerado um token para cadastro de empresa, não enviar essa informação.
  • A chave de acesso é a chave privada fornecida pelo InvoiCy para cada empresa cadastrada. Quando for gerado um token para cadastro de empresa deverá conter a chave de acesso do parceiro nesse caso. 
  • Obs: para consulta de empresa utilizar o token com o CNPJ e não chave de parceiro.

Tendo criado o token JWT, deverá ser enviado para a API de autenticação para obter o refreshToken e accessToken. Avaliar o exemplo “Gerar Token” que está na documentação do Postman descrita abaixo.

O refreshToken será utilizado para criar um novo accessToken válido quando o mesmo expirar. Quando expirar o refreshToken será necessário realizar o mesmo processo descrito acima para obter um novo token válido. Avaliar o exemplo “Refresh Token” que está na documentação do Postman descrita abaixo.

O accessToken deverá ser enviado no header “Authorization” em todas as requisições de documentos ou empresa. 

Para facilitar seu entendimento criamos uma documentação com todas as integração no Postman, clique aqui para acessá-la.

Ao clicar na opção LANGUAGE, você pode selecionar a linguagem desejada para gerar exemplos de integração, onde será montado o código com a requisição de acordo com a linguagem selecionada.

Nas próximas versões estaremos liberando novos serviços com REST. Fique atento as novidades! Para mais informações acesse o artigo Integração via API Rest para emissão de documentos.

Impressão da identificação do Local de Entrega e Retirada juntos no DANFE

Nas versões anteriores era possível imprimir apenas o endereço de local de entrega ou o endereço de local de retirada no DANFE. A partir dessa versão, será possível imprimir os dois endereços juntos no DANFE, através da configuração da opção ‘Exibição do endereço de entrega e retirada’, nas configurações de impressão da NF-e.

Ao selecionar a opção ‘Ambos’, no DANFE será impresso o bloco do endereço de local de entrega e endereço de local de retirada, como pode ser visto na imagem abaixo.

Possibilitar a impressão do DANFE com diferentes logomarcas

Estamos disponibilizando nesta versão do InvoiCy uma funcionalidade que permite ao cliente a escolha de qual logomarca será impressa no DANFE. 

Para utilizar essa opção primeiramente será necessário cadastrar as logomarcas que deseja utilizar, atentando-se para que cada logomarca tenha um apelido diferente.

Após ter as imagens cadastradas, será preciso informar ao InvoiCy qual logomarca deverá ser apresentada no DANFE. Para isso será preciso enviar dentro do XML de integração o apelido que foi informado no momento do cadastro.

Para contemplar o envio dessas novas informações, foi criado um novo grupo de tags chamado <Parametros> e dentro deste grupo deverá ser enviada a tag <ApelidoLogomarca>, conforme imagem a seguir. Clique aqui para fazer download de um arquivo XML contendo o novo grupo.

Com base nessas informações o InvoiCy irá gerar o DANFE exibindo a logomarca conforme o apelido informado.

Caso não for enviada a tag <ApelidoLogomarca> ou o apelido informado não corresponder a uma logomarca cadastrada, o InvoiCy irá gerar o DANFE com a logomarca padrão da empresa, caso esta estiver cadastrada.

Essa nova funcionalidade está disponível inicialmente para o módulo NF-e.

Nova coluna “Forma de Pagamento” na exportação de documentos em Excel

Para os clientes que realizam a exportação dos documentos para o formato Excel, passamos a disponibilizar também a informação de forma de pagamento, como pode ser visto na imagem abaixo.

Importação de NFS-e de entrada via Web Service

A partir de agora, a importação de NFS-e de entrada via web service no InvoiCy está disponível também para os padrões DUETO 2 e SAATRI, totalizando 98 municípios.

Para realizar a importação dos documentos é necessário ter contratada a extensão de Importação de Documentos. Saiba mais sobre a importação de NFS-e de entrada clicando aqui.

Release Notes – Versão 2.25.0 e 2.26.0

Versão 2.25.0 e 2.26.0 – 13/05/2020 – em produção

Melhorias nas Extensões de Importação e Manifestação

Essa nova versão conta com algumas novidades e alterações em relação às extensões de Importação e Manifestação. Buscando melhorar a apresentação dos documentos no InvoiCy, também foram criadas novas telas, que podem ser acessadas através das novas opções no Menu: Documentos emitidos e Documentos recebidos.

A tela de documentos emitidos irá apresentar todos os documentos emitidos pela empresa que está selecionada no combobox principal de empresas. Nos casos em que os documentos foram emitidos por outra aplicação, os mesmos poderão ser importados para o InvoiCy através da extensão de Importação de documentos, ou via tela, para as empresas que tiverem licença de emissão ativa.

Já a tela de documentos recebidos irá exibir apenas os documentos de entrada, emitidos contra a empresa que está selecionada no combobox principal de empresas. Caso a empresa não tiver a extensão de Importação ou Manifestação ativa, serão realizadas automaticamente 4 consultas diárias no DF-e, para buscar os documentos resumo e exibi-los em tela.

Será baixado o XML completo caso a empresa tenha alguma das extensões ativas (Importação ou Manifestação), e tenha feito a ciência da operação para esse documento.

Também foram alteradas as configurações na ativação das extensões de Importação e Manifestação.

Na ativação da extensão de Importação, agora é possível configurar o NSU de NF-e e CT-e para cada empresa que ativar a extensão. Também é possível configurar se deseja realizar a ciência da operação de forma automática.

Ao ativar a opção ‘Replicar configurações para empresas ativas’, os parâmetros e módulos atualizados na extensão serão replicados para as demais empresas que já possuem a extensão ativa, com exceção dos parâmetros de NSU e e-mail, que são exclusivos de cada empresa.

Após a ativação da extensão para uma ou mais empresas a aba ‘Ativação’ passa a se chamar ’Configurações’, onde todas as opções podem ser alteradas, caso necessário, além de permitir ativar a extensão para outras empresas na aba ‘Ativação’.

Ao ativar a extensão de Manifestação do destinatário, também será possível configurar o NSU de NF-e e CT-e, e replicar as configurações para as demais empresas ativas.

Da mesma forma que na extensão de Importação, após ativar a extensão de Manifestação para uma ou mais empresas a aba ‘Ativação’ passa a se chamar ’Configurações’, onde todas as opções podem ser alteradas, caso necessário, além de permitir ativar a extensão para outras empresas na aba ‘Ativação’.

Todos os XML que precisam de manifestação, ou os que já foram manifestados serão exibidos tanto na tela de Manifestação como na tela de Documentos recebidos.

As manifestações do destinatário continuarão a serem realizadas na tela de manifestação, porém quando a empresa tiver a extensão ativa poderá realizar a manifestação também através dos detalhes do documento na tela de Documentos recebidos, através do ícone correspondente.

Manifestação detalhes do documento

Imprimir valor do ICMS desonerado

A tela de configurações de impressão da NF-e conta com a nova opção ‘Imprimir ICMS Desonerado’, como demonstra a imagem abaixo.

Através dessa opção é possível imprimir o valor do ICMS desonerado no DANFE no grupo dos itens da nota, dos totais, ou ainda em ambos os grupos. A configuração é válida apenas para o modelo de DANFE personalizado, nas orientações retrato e paisagem. A imagem abaixo demonstra um modelo de DANFE retrato com o valor do ICMS impresso no grupo de itens e totais.

Exportação de todos os campos do XML da NF-e para arquivo Excel

A partir dessa versão será possível exportar para um arquivo Excel todos os campos do XML dos documentos NF-e. Mas é importante destacar que essa funcionalidade estará disponível apenas no ambiente de produção.

Para agendar o relatório, basta acessar a tela de Documento Recebidos, e no menu de exportações clicar na opção ‘Exportar todos os campos dos documentos para Excel’, conforme demonstra a imagem abaixo.

Será aberta uma popup para informar o endereço de e-mail para recebimento do arquivo.

O relatório poderá ser gerado para um período de até 30 dias, e no máximo para 5 mil documentos. E o mesmo será gerado apenas para os documentos completos do módulo NF-e.

Ao efetuar um filtro por documentos do tipo resumo, ou de um módulo diferente de NF-e, esta opção de exportação não será habilitada.

Consulta de MDF-es encerrados pelo Fisco

De acordo com o AJUSTE SINIEF 04/18, de 3 de abril de 2018, a SEFAZ pode automaticamente encerrar um MDF-e do modal rodoviário quando este ainda estiver autorizado em 60 dias.

Dessa forma, foi implementado nesta versão do InvoiCy um processo que irá rodar automaticamente uma vez ao dia, buscando as empresas que tenham MDF-es autorizados a mais de 60 dias, e verificando se existe algum evento de encerramento emitido pelo Fisco para esses MDF-es.

Caso encontrar, o evento será armazenado no InvoiCy e o status do documento será atualizado para ‘Encerrado’.

Nova funcionalidade no cadastro de particularidades da NFS-e

Disponibilizamos mais uma opção de configuração no cadastro de particularidades para emissão de NFS-e. A partir de agora é possível selecionar um campo do layout da NFs-e que vai ser preenchido pelo InvoiCy com a informação enviada pelo cliente em um outro campo, por exemplo, é possível definir que o campo TributMunicipio seja alimentado com o valor da tag temIteListServico, que foi enviada pelo cliente na integração.

Logs da última consulta nos Web Services das Prefeituras

Ao acessar a tela de Documentos recebidos, através do ícone localizado no lado direito da tela, conforme demonstra a imagem, poderão ser visualizadas as informações da última e próxima consulta no Web Service de Distribuição de documentos – SEFAZ, e a última e próxima consulta no Web Service de NFS-e das Prefeituras.

Quando acessar essa tela com usuário parceiro, serão exibidas as empresas relacionadas com a chave do parceiro e que possuem a extensão de importação de documentos ativa. Para usuário normal, serão exibidas as empresas que o usuário tem acesso e que possuem a extensão de importação de documentos ativa.

Na grid serão exibidas as datas da última importação para cada módulo, e ao clicar na data será aberto os detalhes do documento importado. 

Retorno de layout único na consulta de NFS-e emitidas pelo InvoiCy

A partir dessa nova versão o InvoiCy passa a retornar o layout único da NFS-e também na consulta de documentos emitidos, da mesma forma que já ocorre para os documentos importados. Com isso será possível que o cliente obtenha qualquer informação dos documentos emitidos por ele. Para que esse retorno ocorra, é preciso que o parâmetro “XML InvoiCy no retorno da requisição”, nas configurações para emissão de NFS-e do painel de controle, esteja configurado como “Sim”. O retorno da consulta será disponibilizado na tag DocCompleto, em formato base64.

Detalhamento da versão

Para conhecer todas as modificações realizadas nessa versão, clique aqui.

Versão 2.25.0 e 2.26.0 – mais detalhes

Última atualização em: 13 de maio, 2020

Confira todas as alterações e melhorias realizadas nas versões 2.25.0.0 e 2.26.0 do InvoiCy, que já está em produção:

Código da solicitação – Descrição

10953 – Visualização de registros na tela de exportação: a partir dessa versão, ao realizar uma exportação para mais de uma empresa, tanto normal como recorrente, o registro correspondente a essa exportação aparecerá na tela de exportação para todas as empresas envolvidas, quando esta estiver selecionada no combobox principal de empresas.

Por exemplo, uma empresa A agendou uma exportação envolvendo também as empresas B e C. Se qualquer uma dessas empresas acessar a tela de exportação, poderá visualizar o registro na grid.

Também foram adicionados filtros na tela de exportação e exportação recorrente, para buscar pelo CNPJ ou Nome/Apelido das empresas, onde serão retornadas todas as exportações vinculadas com a empresa que estou filtrando.

Mas é importante destacar que o usuário logado no sistema poderá visualizar e pesquisar apenas pelas empresas que ele tem acesso.

11532 – Exportação de documentos do mês anterior: a tela de exportação conta com uma nova opção de filtro por datas, ‘Documentos do mês anterior’, como pode ser observado na imagem abaixo. Ao selecionar essa opção, sempre será considerado o mês anterior ao atual para realizar as exportações.

Módulo NFS-e:

11386 – Conversão do conteúdo ‘SN’ para ’00’ no número do tomador: nesta versão do InvoiCy foi adicionado um tratamento no campo de informação do número do tomador, para que, nos casos onde o prestador enviar ‘SN’, o InvoiCy realize a conversão enviando para a prefeitura ’00’. Este tratamento busca evitar erro de estrutura retornado pelo município de Vinhedo – SP, atendido pelo Padrão Prescon.

Release Notes – Versão 2.24.0

Versão 2.24.0 – 13/05/2020 – em produção

Consulta do módulo MDF-e na SEFAZ

A partir dessa versão, a extensão de manifestação passa a contemplar também o módulo MDF-e.

Quando a empresa ativar esse módulo na extensão, todos os documentos emitidos, onde consta o CNPJ ou CPF da respectiva empresa no grupo dos autorizados a fazer o download do XML, serão consultados na SEFAZ e exibidos na tela de Importação de documentos.

Ativação da extensão Dashboards para o módulo NFC-e

A partir da nova atualização do sistema, quando ativada a extensão de Dashboard para o módulo NFC-e pelo parceiro, será automaticamente alterado para ‘Sim’ o parâmetro de emissão “Empresa permite correção de documentos” do módulo, para todas as empresas desse parceiro.

Desativação de empresas na extensão Dashboards

Nessa nova versão, foi removida a opção de definir data de expiração ao desativar uma empresa na extensão de Dashboards.

Para incluir a empresa no monitoramento novamente, basta clicar no número “Desabilitadas do monitoramento” e ativar a empresa.

Integração da MIA com o processo de correção de NFC-e offline

A partir da nova versão, o sistema irá contar com a integração da MIA no processo de correção de NFC-e offline, pela extensão Dashboard ativa. Será apresentada a seguinte mensagem “Clique aqui para corrigir os itens”, caso o mesmo seja identificado ou não pela SEFAZ.

Quando a SEFAZ não identificar o item da NCM, será feito o direcionamento para a nova tela de correção de NCM ao clicar no link, disponibilizando o ícone da MIA para selecionar a NCM a corrigir, como demonstra a imagem abaixo.

empresa

Quando a SEFAZ identificar o item da NCM, será feito o direcionamento para a tela de correção do item da NFC-e. Ao lado do campo NCM, caso a MIA tenha sugestões de correção ficará disponível o ícone da mesma, como demonstra na imagem abaixo.

Ao clicar no ícone da MIA, será apresentada a tela das sugestões de NCM para o usuário avaliar qual será aplicada ao item.

Ao passar o mouse sobre o ícone de informações, será apresentada as descrições da NCM em níveis, conforme imagem abaixo.

Ao selecionar a NCM desejada e clicar para seguir, será direcionado para a tela de correção, com a NCM selecionada ajustada no campo do mesmo. Em seguida, será preciso salvar a alteração e realizar o reenvio da nota e consequentemente o sistema irá identificar se existe ou não outras correções do mesmo tipo a serem corrigidas.

Reenvio automático de NFS-e em caso de instabilidades

Juntamente com essa versão foi criado o novo parâmetro “Permitir reenvio automático em caso de instabilidades” no grupo “Ambiente” das configurações de emissão de NFS-e.

Esse parâmetro permite que o parceiro possa escolher se deseja ou não utilizar a fila de Documentos Assíncronos para os casos de padrões sequenciais, onde os RPS são automaticamente colocados na fila em caso de instabilidade da emissão, independente da empresa utilizar o processamento Síncrono ou Assíncrono.

Integração CFS-e no município de Ourinhos – SP

Nesta nova versão do InvoiCy, integramos a emissão de CFS para o município de Ourinhos – SP. A partir de agora prestadores de serviço que precisam adequar-se às normas da prefeitura quanto a emissão de Cupom Fiscal de Serviço tem mais essa opção no InvoiCy. Para mais informações leia o artigo Padrão FintelISS CFS.

Padrão FINTELISS CFS

Última atualização em: 23 de março, 2020

O Padrão FintelISS CFS segue o modelo padronizado ABRASF 2.02. Segue abaixo suas particularidades:

1. O sistema não permite:

  • Substituição de Notas Fiscais de Serviço Eletrônica;
  • Tomador Exterior;
  • Impressão do cupom pelo modelo da prefeitura (Está em desenvolvimento por eles).

2. Obrigatoriedades:

  • Informar prestador do serviço;
  • Informar tomador do serviço;
  • Informar valores correspondes e código ao item do serviço;
  • Informar protocolo de autorização no menu ‘Cadastro’, opção ‘Vincular Desenvolvedor CFS’;
  • Informar Chave primária de autenticação, para gerar essa chave deve-se ir no Sistema da prefeitura ir no menu ‘Operações Fiscais’ e na opção ‘Consulta de Terminais’, nesta tela deve-se criar um novo terminal caso não tiver nenhum ativo, após deve-se pegar a ‘Chave de Liberação’ do referido terminal e cadastrar a mesma no campo ‘Chave primária de autenticação do InvoiCy’;
  • Informar série somente com número, não permite letras.

3. Impressão:

  • Atualmente esse padrão não possui disponibilidade de impressão do espelho da NFS-e no modelo da prefeitura, que ainda encontra-se em desenvolvimento. Portanto a impressão será realizada utilizando o modelo de espelho do InvoiCy.

4. Natureza da Operação:
O campo de natureza da operação deverá seguir o padrão ABRASF:

Natureza da Operação

5. Exemplo XML

Clique aqui para visualizar um exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e.

Relatório lotes de CF-e SAT

Última atualização em: 11 de março, 2020

Com o objetivo de permitir aos usuários automatizar a geração de relatórios dos lotes de CF-e SAT consultados através do Web Service da SEFAZ, foi disponibilizada uma nova opção na tela de relatórios, conforme demonstra a imagem abaixo. Para acessar essa tela basta acessar o Painel de Controle, e no grupo ‘Configurações do Parceiro – Acompanhamento’, clicar na opção ‘Relatórios’.

Para geração dos relatórios são disponibilizados alguns filtros na tela, como Descrição (Nome para o relatório), E-mail para notificação, Execução recorrente, caso seja marcada a opção “Sim” deve-se informar na opção “Intervalo de dias para recorrência” o intervalo de dias entre cada geração de relatório, e por fim selecionar o arquivo TXT com os dados para a geração do relatório.

O relatório será gerado periodicamente conforme as configurações parametrizadas pelo usuário.

Juntamente nesta tela consta uma lista dos últimos relatórios agendados, onde pode-se acompanhar o status de geração de cada relatório, a sua data de inclusão e execução, e no caso de falhas uma breve explicação. Após o relatório ter seu status concluído, o botão de download será habilitado para que o usuário possa baixar o relatório para a sua máquina.

Também existe uma opção que possibilita abortar a geração dos relatórios. Caso o usuário solicite a geração de um relatório e por algum motivo precise cancelar o processo, se o relatório não tiver sido gerado ainda e estiver com status ‘Não iniciado’, poderá abortar a geração deste relatório.

OBSERVAÇÃO: Essa funcionalidade atualmente está disponível somente no ambiente InvoiCy In house.

Release Notes – Versão 2.23.0

Versão 2.23.0 – 13/05/2020 – em produção

Implementação da Nota Técnica 2020.001 do MDF-e

De acordo com a NT 2020.001, o projeto MDF-e Integrado tem como objetivo a disponibilização, pelas Secretarias de Fazenda, de uma infraestrutura digital de documentos, legislações e processos voltados para a simplificação da emissão de documentos fiscais eletrônicos de transporte e integração, dentro de um ecossistema digital, que permite às Empresas Transportadoras de Cargas (ETC), Transportadores Autônomos de Cargas (TAC), ANTT, Administradores de Meios de Pagamentos e as próprias Secretarias de Fazenda, o aperfeiçoamento dos seus processos e compartilhamento de informações entre todos estes atores, a partir de um único documento e infraestrutura já consolidada e em uso por todos os envolvidos.

Diante disso diversas ações vêm sendo tomadas com o intuito de tornar o ambiente emissor mais eficiente e competitivo, como por exemplo, a aprovação de legislação nacional que normatizou o compartilhamento dos MDF-e dos 27 estados com os órgãos reguladores de transportes, a aprovação da legislação nacional que normatizou a obrigatoriedade de emissão de MDF-e em todas as operações de transporte, sejam elas intermunicipais ou interestaduais, e também a publicação desta NT 2020.001, que estrutura o MDF-e de forma a possibilitar, entre outros benefícios:

– A geração automática do CIOT, pelo Sistema MDF-e, tanto para as modalidades TAC-Independente como TAC-Agregado;

– A automação do processo de fiscalização do Piso Mínimo do Frete (Tabela do Frete), nos termos da Resolução ANTT nº 5.849 de 16 de julho de 2019;

– A geração de informações para facilitar a negociação de direitos de recebimentos de fretes, por parte do TAC, junto a instituição financeira onde possui conta corrente, sem a interferência de atravessadores.

As normas impostas nesta NT estão previstas para entrar em vigor em:

Homologação: 09/03/2020
Produção: 06/04/2020

A NT contempla as seguintes alterações no layout de integração do MDF-e:

– Grupo MunicipiosDescarregItem passa aceitar até 1000 ocorrências;
– Criado novo grupo de Produto Predominante, obrigatório apenas quando for modal rodoviário;
– Inclusão dos campos IdEstrangeiro_Contr e Nome_Contr no grupo Contratante;
– No modal Rodoviário, criado novo grupo de informações do pagamento do frete (InfPagamento);

– Criação do novo evento de Pagamento da operação de transporte

Esse evento permite informar o pagamento do TAC-Agregado ou equiparado a TAC, a ocorrer no final do período conforme a relação de viagens realizadas, onde o autor do evento será o emissor do MDF-e que contratou o TAC (Transporte Autônomo de Cargas).

O código que corresponde a esse novo evento é o 110116, exigindo um MDF-e autorizado para realizar a emissão do evento.

Fonte: Portal MDF-e

Para conhecer todas as alterações e novos campos, bem como visualizar exemplos de XML, baixe nosso material de integração clicando aqui.

Liberação do Painel gerencial de suporte para usuários finais

A partir dessa atualização o sistema irá liberar o painel de suporte para usuários finais, possibilitando ao usuário tipo parceiro ter a visão do usuário normal. Assim, quando logado com o usuário parceiro e selecionar algum usuário na nova combo todos os dados do painel devem ser filtrados, mostrando apenas os dados das empresas que o mesmo possui acesso.

Para ter acesso a essa funcionalidade, a extensão do painel precisa estar habilitada para o parceiro e haver empresas ativas para o usuário final.

Inclusão de filtro na extensão de Manifestação

Nessa nova versão, foi incluído nos filtros “Manifestação Realizada” e “Manifestação Faltante”, na extensão de manifestação, a nova opção “Não realização da operação” para permitir filtrar documentos que não tenham determinada manifestação, como demonstra a imagem abaixo.

Armazenar documentos do grupo Autorizados a baixar XML

A partir da nova versão do Invoicy, o sistema irá realizar o armazenamento de documentos em que a empresa faz parte das pessoas autorizadas a baixar o XML, mesmo não sendo emissor nem destinatário. Para o CNPJ citado no grupo autXML, a SEFAZ libera o XML para a distribuição de documentos fiscais e para que isso ocorra a extensão de documentos importados deve estar preparada para armazenar XMLs com essas características.

Esses documentos não irão aparecer na tela de manifestação das empresas vinculadas no grupo, somente serão listados na tela de Importação, se o parâmetro estiver ativo.

Foi criado um filtro na tela da extensão de importação para esses documentos, “Autorizado a baixar o XML”, como demonstra a imagem abaixo. O cliente poderá importar esses documentos através de caixa e e-mail, Web Service ou manualmente.

Visualização dos documentos importados de várias empresas

Também foi implementado nessa versão um novo filtro na tela da extensão de Importação de documentos, que permite visualizar todos os documentos importados de um determinado grupo/raiz de CNPJ selecionado pelo usuário, sejam notas emitidas ou recebidas, de qualquer módulo.

Ao realizar a pesquisa serão retornados os documentos de acordo com o filtro aplicado, e juntamente com as informações na grid será apresentado o CNPJ e Nome do destinatário/tomador, permitindo assim a identificação dos envolvidos do documento.

Através do novo grupo ‘Empresa’ nos filtros, é possível pesquisar os documentos da empresa que está selecionada no combobox de empresas, ou de todas as empresas que o usuário tem acesso, ou ainda utilizar um CNPJ/CNPJ Raiz/CPF de uma empresa específica.

Consulta de documentos na SEFAZ de hora em hora – Extensão Manifestação

A partir dessa versão será possível configurar na extensão de Manifestação para realizar até 24 consultas diárias dos documentos na SEFAZ. Por padrão virá configurado para 4 consultas diárias, ficando a critério de cada usuário alterar essa configuração.

Automatizar geração do relatório dos lotes de CF-e SAT

Foi disponibilizado um novo relatório para automatizar a geração do relatório dos lotes de CF-e SAT consultados através do Web Service da SEFAZ.

Para geração dos relatórios são disponibilizados alguns filtros na tela, como Descrição (Nome para o relatório), E-mail para notificação, Execução recorrente, caso seja marcada a opção “Sim” deve-se informar na opção “Intervalo de dias para recorrência” o intervalo de dias entre cada geração de relatório, e por fim selecionar o arquivo TXT com os dados para a geração do relatório. Para mais informações leia o artigo Relatórios lotes de CF-e SAT.

OBSERVAÇÃO: Essa funcionalidade atualmente está disponível somente no ambiente InvoiCy In house.

Novo campo para informar o meio de pagamento

Para clientes emissores de NFS-e, disponibilizamos o campo ‘tpag’ onde poderão ser enviadas informações sobre o meio de pagamento utilizado pelo tomador do serviço. Os valores aceitos neste campo são:

  • 1-Dinheiro;
  • 2-Cheque;
  • 3-Cartão de Crédito;
  • 4-Cartão de Débito;
  • 5-Crédito Loja;
  • 10-Vale Alimentação;
  • 11-Vale Refeição;
  • 12-Vale Presente;
  • 13-Vale Combustível;
  • 15-Boleto bancário;
  • 90-Sem pagamento;
  • 99-Outros.

Essas informações somente serão apresentadas na tela de detalhes da NFS-e, não sendo impressas no espelho do documento.

Mensagem na impressão do espelho da NFS-e

A partir desta versão do InvoiCy, quando uma NFS-e for substituída pelo prestador, na impressão do espelho da NFSe será adicionada uma mensagem no campo ‘Outras Informações’ identificando o RPS e/ou a NFS-e que foi substituída, permitindo assim uma informação mais clara tanto ao prestador como ao tomador do serviço.

Essa informação somente será adicionada no Espelho do documento impresso para clientes que utilizam o modelo de impressão ‘Detalhado’ disponibilizado pelo InvoiCy.

Detalhamento da versão

Para conhecer todas as modificações realizadas nessa versão, clique aqui.